PUBLICIDADE
Camara 1

Ex comandante da PM disputa a Prefeitura de Silva Jardim

Grupos políticos de respeito estão endossando o nome de Wolney Dias

O coronel PM Wolney Dias, ex comandante geral da PM é forte candidato a prefeitura de Silva Jardim, já que a vice-prefeita Maria Dalva Silva do Nascimento não vem conseguindo governar a máquina administrativa e a população está sem qualquer esperança de que isso mude. Ela substituiu o ex prefeito Wanderson Gimenes Alexandre envolvido em fraude de licitações, crime eleitoral e formação de quadrilha. Ele foi preso em 2018 junto com o ex presidente da Câmara de Vereadores Roni Pereira da Silva. Os crimes teriam acontecido em 2013. Segundo o Ministério Público, para fechar dois contratos, o ex-prefeito se associou a agentes públicos e empresários para beneficiar duas empresas voltadas para a prestação de serviços de publicidade de atos oficiais.

Wolney Dias – que já esteve na disputa em 2016, como vice ex-prefeito Marcelo Cabreira –  está recebendo apoio de vários segmentos políticos da cidade e tem uma difícil missão pela frente caso aceite disputar a prefeitura. Um dos setores mais graves é a educação, onde não há ônibus para transporte dos alunos; em várias escolas professores e diretores assumem a cozinha para fazer a merenda; há falta de funcionários em várias unidades e com isso alunos ficam sem estudar dias seguidos. Falta saneamento básico em muitos bairros, o índice de desemprego é alto. E na Saúde, há falta de transporte de pacientes, os atendimentos – do mais simples ao mais complexo – como exame oftalmológico, ressonância magnética, colonoscopia, audiometria, densitometria óssea, ecocardiograma são encaminhados para lista de espera regional e estadual.